Notícias

voltar

Entrevista imperdível com contabilidade especializada em youtubers, blogueiros e influencers digitais

Veja as dicas de uma contabilidade especializada em youtubers, blogueiros e influencers digitais

Buscando por uma contabilidade especializada em youtubers, blogueiros, influencers digitais, instagrammers e produtores de conteúdo em geral? Então você está buscando pela Francel Menezes contabilidade.

Este conteúdo é indispensável para você que atua com a produção de conteúdo pela internet (canal no youtube, blog, instagram, facebook e outras plataformas) e deseja se informar sobre imposto de renda pessoa física, questões tributárias, contábeis, financeiras e de abertura de empresa.

Se você recebe rendimentos do google adsense, de propaganda, publicidade e divulgação de marcas, produtos, serviços e empresas, certamente encontrará muitos esclarecimentos e dicas por aqui, que ajudarão a estruturar a sua vida financeira e o seu negócio digital.

Nós, do escritório Francel Menezes contabilidade,  participamos de uma entrevista sobre questões relacionadas ao imposto de renda, abertura de empresas e contabilidade para youtubers, blogueiros, e influencers digitais, e publicamos aqui todas as perguntas e respostas.

Escrevemos frequentemente para os produtores de conteúdos e este é um dos melhores artigos que publicamos. Através dele, você ainda poderá acessar outros artigos importantes sobre o assunto.

Sejam bem vindos e fiquem a vontade.

Façam bom proveito.

 

Entrevista imperdível: Escritório de contabilidade especializado em youtubers, blogueiros, influencers e instagrammers

 

 

1 - Como tem sido fazer a contabilidade e assessoria tributária de youtubers, blogueiros e influencers digitais?

 

Existem diversas formas de olhar para este público, que é formado na sua grande maioria por pessoas muito jovens.

Além destes, há aquelas pessoas corajosas que decidiram trocar o emprego formal que tinham, pela produção de conteúdo de forma autônoma e independente, e também aquelas pessoas que resolveram conciliar o emprego formal com a atividade on line.

Enquanto alguns optam por criticar e julgar youtubers, blogueiros e influencers, nós optamos por olhar estas pessoas com carinho, respeito e com a sensibilidade de que são pessoas que estão iniciando a sua carreira como produtores de conteúdos na internet e precisam de apoio.

Muitos, nunca trabalharam ou empreenderam na vida, e precisam de um contador que esteja disposto a ser um pai, um grande amigo e disponível para transformar assuntos e regras tributárias complexas, em palavras simples e leves.

Não adianta falar contabilês, tributês e juridiquês com este público. É preciso ter o cuidado de dosar a linguagem.

É preciso ter humildade, simplicidade e empatia para se colocar no lugar deles, que são empreendedores iniciantes, e explicar da melhor forma possível, tudo que precisam saber.

Tratam-se de pessoas que precisam de esclarecimentos sobre questões muito básicas sobre a vida financeira e tributária, e também sobre questões mais técnicas e de planejamento tributário para poderem estruturar a sua atividade de produção de conteúdo.

Afinal, empreender no Brasil não é nada simples e requer conhecimento de toda burocracia envolvida e orientações técnicas de um profissional que tenha experiência com o tipo de atividade que o empreendedor exerce.

E por que é importante contratar um contador especializado em youtubers, influencers, blogueiros e produtores de conteúdo em geral?

Ora, da mesma forma que é importante para um médico, contratar um contador especialista e experiente na área médica, o ideal é que um produtor de conteúdo faça o mesmo.

Então se você é youtuber, influencer ou blogueiro, o ideal é que busque um contador especializado em youtuber, influencer ou blogueiro, que já tenha tido contato e experiência com centenas de produtores de conteúdos.

Fazer a contabilidade e a assessoria tributária de youtubers tem sido um prazer e ao mesmo tempo, um desafio.

Tendo em vista que trata-se de uma atividade relativamente nova no Brasil, as normas ainda não são claras quanto as obrigações tributárias, assim como ocorre com qualquer atividade nova que surja no mercado e no mundo.

Sendo assim, assessorar produtores de conteúdo exige uma interpretação técnica das normas tributárias para aplicar os procedimentos corretos.

Envolve muito estudo, especialização e aprofundamento na área e no tema, experiência acumulada ao analisar muitos casos e claro, muito interesse e dedicação.

Muitos produtores de conteúdo nos inspiram.

Como não se inspirar com jovens pessoas que transformam uma ideia em conteúdo na internet e logo cedo já se tornam independentes financeiramente?

Nosso objetivo principal é ajuda-los, agregar valor ao negócio digital desta pessoa e fornecer informações úteis, que sejam determinantes na tomada de decisão e nas escolhas destes empreendedores.

 

2 - O que você acha da atividade de produção de conteúdo em canais no youtube, blogs e instagram, facebook, twitch e outras plataformas?

 

Os conteúdos publicados em canais no youtube, blogs, sites, instagram, facebook, telegram, close friends e outros, são de alto poder de alcance.

A produção de conteúdo na internet está revolucionando a forma de atuar de muitas profissões.

Qualquer profissional pode criar um canal no youtube e produzir conteúdos profissionais que gerem monetização do google adsense, e além disso, ainda podem ser contratados por empresas e marcas para fazerem a divulgação, propaganda e publicidade direta dos seus produtos e serviços.

Um certo dia por exemplo, buscando informações para resolver um problema em minha residência, encontrei um ótimo vídeo explicativo em um canal no youtube, de um eletricista.

Professores podem criar um canal no youtube e criar conteúdos com vídeo aulas ; amantes de carros, motos e esportes podem criar um canal no youtube para noticiar informações sobre estes assuntos ; pessoas que trabalham com artesanato, música, arte, dança também podem ; eletricistas, pedreiros, jardineiros também podem ; pessoas que trabalham com dublagem, desenhos infantis, brinquedos e entretenimento para criança também podem.

Esta lista não tem fim.

Pessoas novas, sem profissão, podem transformar uma ideia em um grande canal no youtube, com relevante monetização.

Ou seja, sem dúvida, trata-se de uma nova alternativa de trabalho.

Basta querer e se dedicar.

E um detalhe: a pandemia do coronavírus (covid-19) impulsionou de uma forma absurda o consumo de conteúdo pela internet.

Seja por questões de ociosidade de muitas pessoas durante a quarentena, pela necessidade de busca de informações, pela necessidade de compartilhar informações, ou pela necessidade de comprar, o fato é que a nossa cultura digital foi impulsionada.

Como assim?

  • A utilização dos aplicativos de smartphones (apps) e plataformas on line certamente cresceu
  • Mais pessoas aderiram ao e-commerce
  • Mais pessoas aderiram aos cursos on line (cursos de ensino à distância - EAD)
  • Mais pessoas aderiram e assinaram a Netflix, prime vídeo e outros aplicativos de stream
  • A utilização do instagram, facebook, blogs e youtube que são plataformas que veiculam propagandas, certamente foi potencializada

 

Em nosso entendimento, trata-se de um caminho sem volta.

Uma mudança de cultura.

A partir de agora, os conteúdos de youtubers, influencers e blogueiros também serão muito mais consumidos.

Um outro ponto que não poderíamos deixar de comentar, é sobre a mudança na forma de fazer marketing.

Não é de hoje que estudos apontam que o marketing digital se tornou a forma mais efetiva de divulgar a sua ideia, marca, produto ou serviço.

O marketing off line ainda existe? Sim, mas a cada dia que passa, está sendo menos utilizado.

Com isso, o marketing de influência vem ganhando escala.

Grandes, médias e pequenas empresas apostam no poder de convencimento ou no poder de conversão de clientes, que os influencers digitais, também conhecidos como instagrammers, possuem.

Ou seja, além dos ganhos com o google adsense recebidos pelos conteúdos publicados no youtube e blog, a atuação como influencer digital, produzindo conteúdo no instagram ou até mesmo no youtube, também pode gerar muitos bons frutos.

 

3 - A Francel Menezes contabilidade atende produtores de conteúdo de todo Brasil?

 

Sim. Temos clientes de diversos estados diferentes e também clientes que residem no exterior.

Todo atendimento pode ser realizado por email, whatsapp, ligações e reuniões on line. Nosso objetivo é ajudar a todos que precisarem.

 

4 - Quantos seguidores têm os youtubers e influencers que a Francel Menezes contabilidade assessora?

Temos clientes youtubers e influencers de diversos portes diferentes. A quantidade de seguidores varia muito de cliente para cliente e depende muito do nicho e tipo de conteúdo que exploram, e do tempo que atuam no youtube ou instagram.

Atualmente, temos clientes com cerca de 11, 13 e 14 milhões de seguidores e também temos clientes com 200, 300, 500, 100 mil seguidores e até menos.

Como dito acima, nosso objetivo é ajudar e atender a todos, independente da localização e da quantidade de seguidores.

Uma pessoa que não tem nenhum seguidor em seu canal no youtube ou em seu instagram, pode entrar em contato conosco que iremos ajuda-los e orientá-los normalmente.

 Inclusive, o ideal é que o produtor de conteúdo realmente procure se informar de todas as suas obrigações tributárias antes de iniciar o seu projeto e passar a receber os rendimentos do google adsense ou rendimentos de publicidade e propaganda direta (marketing de influência). Planejamento com antecedência é tudo.

 

5 - Por que a Francel Menezes contabilidade é especializada em youtubers, blogueiros e influencers?

 

Primeiramente, cabe ressaltar que somos formados em Ciências contábeis (contabilidade), especializados e pós graduados (MBA) em gestão tributária, gestão de tributos federais, auditoria e controladoria.

A nossa especialização em youtubers, blogueiros, e influencers, decorre da experiência que tivemos com estes produtores de conteúdos ao longo dos últimos 7 anos. Durante este período, atendemos centenas de produtores.

Ouvimos, conversamos, analisamos e estudamos o caso de cada um, o detalhe e a particularidade de cada um, e assim, acumulamos uma vasta e sólida expertise em cases de produtores de conteúdo não só do youtube, blogs e instagram, mas de dezenas de outras plataformas.

 

6 - Por que a Francel Menezes contabilidade escreve tantos artigos voltados para os youtubers, influencers e blogueiros?

 

Pelo fato da atividade de produção de conteúdo ser uma atividade relativamente nova no mercado e na economia, há muito pouca informação técnica na internet que instrua e ajude os produtores de conteúdo de verdade.

Muitas vezes inclusive, assistimos e lemos conteúdos feitos por pessoas que não possuem nenhum conhecimento técnico no assunto, com “instruções” totalmente equivocadas.

Aqueles que buscam informações no google e no youtube precisam estar atentos e ter muito cuidado.

Muitos conteúdos são produzidos apenas para atrair visualizações e seguidores, não é mesmo?

Diante da ausência de informações úteis, corretas e técnicas na internet, decidimos escrever conteúdos com frequência destinados a estes produtores, para orientá-los, agregar valor ao seu negócio, entregar informações relevantes e principalmente úteis, que façam a diferença nas suas vidas.

Esclarecermos pontos obscuros e duvidosos que existem nas normas tributárias, e alertamos para a existência de obrigações tributárias a serem cumpridas, sobre a possibilidade de fiscalização e aplicação de multas pela Receita Federal em caso de não pagamento do imposto e de não entrega de declaração de imposto de renda.

 

7 - Qual é a maior dificuldade dos youtubers, blogueiros e influencers?

Sob o aspecto tributário, a grande questão é o próprio desconhecimento sobre as obrigações tributárias.

A maioria dos youtubers, blogueiros e influencers que entram em contato conosco, não conheciam a obrigação de pagar o imposto de renda sobre os rendimentos recebidos do google adsense (exterior), e nem a obrigação de entregar a declaração de imposto de renda anualmente.

Nosso trabalho inicial consiste em explicar todas as obrigações tributárias que envolvem os produtores de conteúdo, e em seguida, regularizar as pendências tributárias de meses anteriores e estrutura-los para que atuem da maneira correta e sem riscos a partir deste contato.

 

8 - Alguns youtubers e blogueiros já tiveram problemas com bancos para receber os ganhos do adsense (ganhos do exterior). O que você sugere?

 

Sim. Estas questões podem ocorrer por diferentes motivos.

Alguns bancos ou algumas agências bancárias não tem experiência com pessoas que recebem do google adsense.

Já vimos casos em que o produtor de conteúdo precisava apenas apresentar uma declaração informando a origem dos rendimentos. Outros casos em que bastava comparecer ao banco para assinar alguns documentos em função dos valores terem ultrapassado determinado patamar.

O ideal é que os produtores de conteúdo utilizem bancos que possuam setores entendedores de recebimentos do google adsense.

Nosso intuito não é indicar nenhum banco, mas pelo que percebemos, aqueles que trabalham com o banco rendimento não costumam ter problemas.

 

9 - Muitos youtubers, blogueiros e influencers têm despesas com colaboradores. Há algum detalhe a observar sobre isso?

 

Sim. Muitos youtubers, blogueiros e influencers costumam contratar alguns colaboradores para terceirizar algumas atividades como a edição de vídeos, criação e edição de imagens, dublagens, narração, participação em vídeos, dentre outras tarefas.

O ideal é que todos os pagamentos realizados aos colaboradores sejam formalizados mediante recibos ou notas fiscais, e contratos se possível.

Isto influencia diretamente no cálculo do imposto de renda.

 

10 - Youtubers, blogueiros e influencers precisam pagar imposto de renda?

Youtubers, blogueiros e influencers que recebem rendimentos do seu canal no youtube ou blog (google adsense) e de publicidade, precisam pagar imposto de renda pessoa física mensalmente pela regra do carnê leão. O imposto deve ser pago no mês seguinte ao do recebimento dos ganhos.

Escrevemos um artigo completo sobre este assunto.

Aliás, é o melhor artigo existente no google sobre este assunto. Clique aqui para ler e não deixe de comentar ao final da leitura.

Caso você tenha deixado de pagar o seu imposto nos meses anteriores e deixado de entregar a sua declaração de imposto de renda, podemos regularizar o seu caso.

Basta entrar em contato através do whatsapp de número (21) 97254-3286 ou clicando aqui.

 

11 - Youtubers, blogueiros e influencers podem ser fiscalizados pela Receita Federal do Brasil?

 

A Receita Federal do Brasil tem 5 anos para fiscalizar os youtubers, blogueiros e influencers que não pagarem o imposto de renda ou não entregarem a declaração de imposto de renda pessoa física.

 

12 - Youtubers, blogueiros e influencers podem ser multados pela Receita Federal do Brasil?

 

O imposto de renda pessoa física não pago pelos youtubers, blogueiros e influencers poderá ser cobrado pela Receita Federal do Brasil com acréscimo de juros Selic e multa punitiva de 75% do valor do imposto não pago. Em algumas fiscalizações em casos de não cumprimento da regra do carnê leão, a Receita Federal além dos juros e da multa especificados acima, ainda cobra uma multa de 50% do valor não pago durante o ano calendário.

Duas multas?

Sim. Uma pela omissão de rendimentos (75%) e outra pelo não cumprimento da regra do carnê leão (50%).

É melhor não arriscar e regularizar o seu caso o quanto antes.

 

13 - Youtubers, blogueiros e influencers podem abrir uma empresa para atuar na produção de conteúdo como pessoa jurídica? Qual seria a vantagem?

Sim. É possível abrir uma empresa (pessoa jurídica) e o maior benefício, sem dúvidas, está na redução da carga tributária. Os percentuais de tributação para empresa são muito menores do que os percentuais de tributação para pessoa física.

Além disso, também há a possibilidade de emitir notas fiscais em trabalhos de publicidade, contribuir para a Previdência social (INSS) e garantir os benefícios de aposentadoria, auxílio doença, acidente de trabalho, dentre outros.

Também temos um artigo completo sobre as vantagens de abrir uma empresa para Youtubers, blogueiros e influencers e podemos realizar este trabalho para vocês.

 

14 - Qual é o CNAE apropriado para a empresa dos youtubers, influencers e blogueiros?

 

CNAE é a classificação nacional de atividades econômicas. Em outras palavras, na teoria, para cada atividade econômica existente, existe um código que deve ser atribuído nos documentos e atos de registros da empresa. São chamados de códigos de atividades econômicas.

Na prática, existem algumas atividades que não possuem um código de atividade econômica na tabela CNAE, que seja exato, preciso, e que reflita exatamente a atividade.

Isso ocorre normalmente com atividades novas na economia. Quando este é o caso, normalmente os profissionais especializados em abertura de empresa, inserem na empresa um conjunto de códigos para abranger todas as atividades que o empreendedor deseja exercer.

Não há um código de atividade específico para a atividade de youtuber, blogueiro e influencer.

Por isso, abra a sua empresa com um contador especializado em youtuber, blogueiro e influencer para ele, com base na sua experiência e diversos estudos que já realizou sobre o assunto, escolha o conjunto de códigos mais adequado para a sua empresa.

Estamos à sua disposição.

 

15 - Youtubers e influencers podem ser MEI (microempreendedor individual)?

 

Há uma lista de atividades que podem ser exercidas como MEI na norma, e entendemos que a atividade exercida pelos youtubers e influencers não está relacionada nesta lista.

Portanto, entendemos que o youtuber e influencer que deseja abrir uma empresa para produzir conteúdo, deve abrir uma microempresa.

Existem entendimentos diferentes na internet (em vídeos no youtube principalmente), mas como comentamos acima, tenham cuidado com conteúdos publicados na internet sobre questões tributárias, contábeis e de abertura de empresa, por pessoas que não possuem conhecimento técnico e profissional.

A lista de atividades permitidas é taxativa. Só podem exercidas como MEI as atividades que estão ali. Se não tiver, não pode. Simples assim.

Sabemos que existem pessoas que abrem um MEI atribuindo ao CNPJ uma atividade permitida na lista, apenas para disfarçar.

Já ouviu aquela frase que diz “O barato sai caro”?

Pois assim será, já que a Receita Federal, a qualquer momento, poderá cobrar todo o seu imposto de renda pessoa física, ainda que você tenha pago imposto como MEI durante todo período de existência do MEI.

Lembrem-se: A Receita Federal tem 5 anos para fiscalizar.

 

16 - Se você pudesse dar um conselho aos youtubers, influencers e blogueiros, qual você daria?

 

De forma bem objetiva, produzam conteúdo com qualidade e responsabilidade.

Tomem o máximo de cuidado para não produzirem conteúdos, ainda que sem querer, que possam trazer riscos para outras pessoas (crianças, inclusive), ofender a cor, a sexualidade, ou jeito de ser das pessoas.

Nada de vídeos que incitem a violência, o ódio, o preconceito e qualquer coisa danosa para a sociedade.

Muitos youtubers e influencers já foram processados por vídeos ofensivos, mancharam a sua imagem e a sua carreira, e ainda tiveram que arcar com indenizações decorrentes de processos judiciais.

Neste artigo, escrevemos sobre as diretrizes e políticas do youtube que devem ser seguidas. Caso não cumpram, vocês podem ter os seus vídeos suspensos ou o canal banido.

E além disso, fiquem atentos às suas obrigações tributárias.

Lembrem-se: mantenham o seu imposto de renda em dia para evitar problemas com a Receita Federal.

O que adianta trabalhar pesado na produção de conteúdo e em um determinado momento, gastar todo o patrimônio acumulado pagando multas da Receita Federal do Brasil?

_____________________________________________________________________________________________________

Por fim, o que você achou deste nosso conteúdo?

Deixe um comentário no final deste nosso post, com a sua opinião.

Conseguiu entender melhor o assunto?

Caso tenha restado alguma dúvida, fique a vontade para entrar em contato.

Você conhece alguém que precisa conhecer este nosso conteúdo?

Então compartilhe com esta pessoa.

Sabe qual é o nosso maior desejo?

É que você cresça de forma organizada. Não cresça acumulando riscos.

Caso tenham interesse em se informar um pouco mais, convido a todos vocês para tomar conhecimento das nossas outras publicações relacionadas à tributação dos empreendedores digitais em geral, que destaco abaixo.

Nós escrevemos pensando em vocês.

Por que os ganhos dos YOUTUBERS com adsense NÃO devem ser omitidos perante a Receita Federal?

Vantagens na abertura de uma empresa - Microempresa, MEI, EPP

Youtuber - Registre seu canal no youtube como MARCA

Sites e blogs - Imposto de renda, carnê leão e contabilidade

Fim da monetização dos canais infantis no youtube

Youtuber pode ser MEI (microempreendedor individual)?

Contabilidade especializada para YOUTUBER - monetização e ganhos adsense

Influenciadores digitais (influencers) - Imposto de renda e carnê leão

Publicidade infantil - Youtubers e Influenciadores digitais

Regulamentação da profissão de Youtuber - Projeto de Lei nº 10938/2018

Carnê-leão atrasado youtubers - (imposto de renda monetização adsense)

Monetização de streamers - Imposto de renda e carnê leão

Isenção de imposto de renda Youtuber - monetização adsense

Ganhos de Youtuber e Blogueiro - Principais dúvidas sobre imposto de renda e contabilidade

Como declarar ganhos do adsense de youtubers? CUIDADO!

Contabilidade para desenvoledores de sites, aplicativos e sistemas (softwares)

Monetização youtuber e imposto de renda - Políticas do Programa google adsense

Monetização adsense e imposto de renda - Políticas do Programa de parceria do youtube

Monetização adsense e imposto de renda - Evitem problemas com as Políticas do youtube e com a Receita Federal

Contabilidade para afiliados (hotmart, monetizze, eduzz e etc)

_____________________________________________________________________________________________________

Conte com nosso trabalho. Estamos à disposição para ajudá-los.

Escritório Francel Menezes Contabilidade

E-mail: ffmcontabil@gmail.com

Instagram: @francelm_contabilidade 

Canal no youtube

Site: http://www.menezescontabilidade.com.br
 
Facebook: https://m.facebook.com/Francel.Menezes.Contabilidade/

Telefone (21) 2671-9155